Sustentabilidade

Sustentabilidade

O Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná (CRF-PR), pensando na sociedade, meio ambiente e sustentabilidade, criou o Projeto Innovare. O programa tem o objetivo de identificar, incentivar e reconhecer os funcionários que colaboram com a melhoria da instituição através de um simples projeto, seja na implantação de alternativas sustentáveis ou no aperfeiçoamento das rotinas administrativas. Por meio dessa ação interna, o CRF-PR segue uma filosofia para assegurar e promover a qualidade de vida das próximas gerações, entendendo a importância da conservação do meio ambiente e do respeito ao ser humano. Consciente da importância e do efeito de suas ações, o CRF-PR está comprometido com a gestão ambiental. Confira abaixo algumas ações já implantadas na entidade:

 

1) Redução no uso de papel

Buscando a redução do uso de papel, o CRF-PR passou a enviar o holerite (comprovante de pagamento) aos funcionários por meio digital. Com a política de imprimir apenas o necessário, os Colaboradores, Diretores, Conselheiros e Membros de Comissão Assessora foram orientados a adotar uma gestão eletrônica de documentos. A produção de papel está entre as atividades industriais que mais causam danos ao meio ambiente. Para produzir 1 tonelada de papel são necessárias de 2 a 3 toneladas de madeira, além da utilização muito grande de água. Com uma simples ação como essa, o CRF-PR já está contribuindo para a preservação do meio ambiente.

Projeto: Allan Fernando Justino Vieira (Colaborador/Setor Pessoal)

 

2) Reciclagem do óleo de cozinha

A reciclagem do óleo é extremamente importante para a conservação do meio ambiente, já que um único litro de óleo é capaz de contaminar 25 mil litros de água. Portanto, todo mundo deve fazer sua parte para impedir que esses números se multipliquem. Sabendo disso, o CRF-PR disponibiliza na sua sede um local adequado para a coleta do óleo de cozinha usado. Além da sustentabilidade, a ação gera economia: 10% do produto recolhido volta em forma de material de limpeza para a entidade. É rápido, simples e tem um efeito gigantesco para a natureza.

Projeto: Bruna Balbinotti Mileki  (Colaboradora/Setor de Licitação)

 

3) Economia de água

Você sabia que até mesmo na hora de dar descarga é possível economizar água? A solução foi inserir uma garrafa com água na caixa aclopada. Depois de dar a descarga, o reservatório começa a encher de água, porém, com a garrafa dentro, todo o espaço que seria preenchido agora conta com a garrafa, preservando o gasto excessivo de água. Com o projeto implantado na maioria dos banheiros da sede do CRF-PR, já é possível estimar uma economia de 6 mil litros de água por mês.

Projeto: Sergio Satoru Mori (Gerente Geral)

 

4) Economia de energia

O ideal é que a temperatura do ar condicionado fique ajustada entre 21ºC e 23ºC, para que a diferença de temperatura do ambiente externo e interno não seja tão drástica, reduzindo a carga térmica e, consequentemente, fazendo com que o ar condicionado trabalhe menos. A economia de energia pode atingir 50%.

Projeto: Josiane Martinha do Prado (Assessora Jurídica)

 

5) Redução do lixo

A substituição do uso de copos de plásticos por canecas é uma ação consolidada no CRF-PR. Os colaboradores e visitantes evitam o uso do material descartável, incluindo misturadores de plástico, pensando no tempo de decomposição de um copo de plástico (de 250 a 400 anos). Com esse dado concluímos que muitas gerações passarão e o copo ainda existirá. O uso do descartável fica ainda mais contraditório se pensarmos que a vida útil é muito pequena (chega a durar apenas 13 segundos após sair do display). Em um ano, o CRF-PR poderá economizar 5 mil copos de plásticos, resultando em mais um ganho para o meio ambiente.

Projeto: Karla Roberta Martinski (Colaboradora/Setor de Compras)

              Nilza Aparecida Menegassi Severo (Colaboradora/Setor de Cobrança)